Como desenvolver uma empresa de sucesso

No mundo dos negócios, não existem fórmulas mágicas. Boas ideias inspiram os primeiros passos da organização mas, para construir uma trajetória consistente, é preciso profissionalizar a gestão.


Existe um ditado que diz: “não existe vento favorável para quem não sabe aonde quer chegar”. Saber exatamente qual é o ponto de partida e de chegada da empresa é, portanto, fundamental para fazer com que ela evolua de forma sustentável. Ainda assim, é preciso levar em consideração que uma série de fatores pode impactar o negócio, seja para favorecer o desenvolvimento dele, seja para comprometê-lo. E é justa- mente por isso que o planejamento é tão importante.


Sem um plano coerente com os propósitos e as condições da empresa, enfrentar crises ou momentos de dificuldades fica ainda mais complicado. A falta de planejamento também pode comprometer os projetos de expansão da organização.


Elaborar um modelo de negócios, entretanto, não é tarefa tão simples: requer um diagnóstico preciso de oportunidades, dos recursos financeiros e dos desafios que serão enfrentados. É partindo dessa análise que a administração deve atuar.


Missão, visão e valores


O planejamento estratégico do negócio deve se basear no tripé missão-visão-valores. Ele representa a essência da empresa, por isso, o momento de defini-lo é propício para refletir sobre como a organização vai se desenvolver até alcançar a maturidade.


A missão revela o propósito da empresa. Ou seja, indica a razão de sua existência. Imagine, por exemplo, uma escola de ensino infantil. Nesse caso, faz sentido que a missão seja algo como “oferecer um ambiente lúdico e acolhedor para cuidar e educar crianças de 0 a 6 anos”.


No caso da visão, deve-se definir qual é o objetivo da empresa, aonde ela pretende chegar ou a percepção que deseja passar à sociedade. Seguindo no exemplo da escola: “ser reconhecida, nacionalmente, como a instituição mais inovadora em educação infantil, até 2025”.


Os valores, por sua vez, simbolizam princípios que devem ser seguidos por toda a empresa em suas ações e processos, como “tolerância, criatividade, transparência, responsabilidade, ética, solidariedade e cidadania”.


Ao definir a missão, a visão e os valores, a organização começa a construir o seu modelo de gestão. Outro ponto importante é que esse tripé ajuda a gestão a comunicar seu posicionamento para colaboradores, fornecedores e clientes, alinhando, assim, expectativas e estratégias.


contador: o maior aliado


Neste manual, apresentamos conceitos e procedimentos básicos para uma gestão empresarial eficiente. As noções fundamentais sobre administração de empresas são úteis na fase de desenvolvimento do negócio, pois ajudam gestores a elaborar e a consolidar os processos de gestão.


Desde o início dessa trajetória, é preciso contar com o apoio de profissionais especializados, tanto para evitar riscos quanto para melhorar o desempenho da organização. O serviço contábil, nesse âmbito, é primordial. O papel do contador é criar condições para que a gestão consiga se dedicar ao planejamento estratégico e, ao mesmo tempo, assessorar os gestores na condução dos negócios.


Em caso de dúvida sobre qualquer assunto abordado neste manual ou na rotina administrativa da empresa, entre em contato com o seu contador. Ele é o profissional mais habilitado para dar suporte à gestão.


(Conteúdo desenvolvido pela Editora Quarup www.editoraquarup.com.br)

0 visualização0 comentário